Crescimento das exportações dispara na Região do Norte, garante CCDR-N

Após uma quebra significativa da economia regional durante o período de confinamento, o relatório trimestral da Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR- N) garante que “são visíveis os primeiros sinais de retoma”. As exportações da Região Norte dispararam em 95 por cento entre abril e julho de 2020, atingindo o valor de 2040 milhões de Euros e superando o crescimento da média nacional (em torno de 71 por cento), pode ler-se no Norte Conjuntura, o relatório trimestral que apresenta as tendências da evolução económica na Região, no curto prazo

O documento refere ainda que, “em Portugal, o valor das exportações em julho era ainda inferior ao registado em janeiro, pelo que resulta que “a resiliência do setor exportador da Região do Norte em contexto de crise foi superior à nacional”.

Os indicadores do Norte Conjuntura dão igualmente nota do aumento do salário médio líquido da Região e da sua tendência de convergência relativamente ao salário médio nacional. A diferença entre o salário nacional e o da Região foi de 43 Euros, a menor diferença desde que existem registos sobre remunerações por NUTS II.

Numa nota menos positiva, admite a CCDR-N, é o “aumento do número de desempregados” inscritos nos Centros de Emprego da Região do Norte, o qual “cresceu 20 por cento” relativamente ao período homólogo de 2019. “Esta variação foi, ainda assim, inferior à observada à escala nacional (30,6%)”. faz notar o boletim.

O Norte Conjuntura está disponível on-line em www.ccdr-n.pt/norte-conjuntura.

António Orlando

Next Post

Autarca de Amarante antevê descalabro total com duplicação da Taxa de Gestão de Resíduos

Sáb Out 10 , 2020
Share on Facebook Tweet it Pin […]
Instagram did not return a 200.

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.