Armindo Araújo vence Rali Terras d´Aboboreira

[smartslider3 slider=”104″]

Armindo Araújo e a Skoda Fabia R5 Evo venceram o Rali Terras d´Aboboreira. O piloto foi o mais rápido que a concorrência do campeonato nacional de ralis e adiou a decisão do título para a última prova de 2020, o Rali do Algarve. Os três lugares do pódio são pilotos que que conduziram os Skoda Fabia R5 Evo.

Depois de Adrien Fourmaux, em Ford Fiesta R5, ter saído na frente para este segundo dia de rali, Armindo Araújo beneficiou de uma penalização de 2 minutos ao piloto gualês, que cabou por dar a vitória no rali ao penta campeão nacional, que também assumiu a liderança do campeonato, ultrapassando na geral Bruno Magalhães (Hyundai i20 R5), que nas Terras d´Aboboreira não foi além da quarta posição, a mais de um minuto do vencedor.

Ricardo Teodósio (Skoda Fabia R5), campeão nacional em título, terminou no segundo lugar, a 32,4 segundos do vencedor, com Miguel Correia (Skoda Fabia R5) a fechar o pódio, com mais 59,7 segundos, que Armindo Araújo.

Com a penalização, o francês deu um trambolhão e caiu para o 5º posto da geral. Em seis provas especiais de classificação Adrien Fourmaux venceu 5!

Paulo Babo, o co-piloto marcuense que fez equipa com Diogo Salvi em Skoda Fabia foram 14º classificados da geral. O outro co-piloto da região, Valter Cardoso que fez equipa com Ernesto Cunha em Peugeot foram 19º da classificados e antepenultimos da geral.

Vítor Pascoal e Ricardo Faria foram os mais velozes na prova extra que reuniu os concorrentes do agrupamento X5.

Classificação – CLIQUE AQUI

António Orlando

Next Post

Altice vai reforçar cobertura no concelho celoricense, anuncia autarca

Sáb Out 31 , 2020
Share on Facebook Tweet it Pin […]
Instagram did not return a 200.

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.