Saudade, a palavra do Ano

“Saudade” é a palavra do ano 2020 em Portugal. Esse sentimento, único, português foi a palavra mais votada pelos internautas na iniciativa lançada pela Porto editora.  

 A lista de votação que incluía os termos como “pandemia”, “discriminação”, “digitalização”,  “sem-abrigo”, “telescola” ou “zaragatoa”. 

Nesta edição, segundo a Porto Editora votaram mais de 40.000 internautas. 

A lista das dez palavras, da qual será escolhida a Palavra do Ano, esteve disponível para votação até às 24h00 do dia 31 de dezembro. 

A Palavra do Ano de 2019 foi “Violência [doméstica]”, que recolheu 27,7% dos mais de 20.000 votos registados. 

A lista das vencedoras da Palavra do Ano inclui, nas dez edições anteriores, “esmiuçar” (2009), “vuvuzela” (2010), “austeridade” (2011), “entroikado” (2012), “bombeiro” (2013), “corrupção” (2014), “refugiado” (2015), “geringonça” (2016), “incêndios” (2017) e “enfermeiro” (2018). 

Saudade |nome feminino :

1. sentimento de mágoa, nostalgia e incompletude, causado pela ausência, desaparecimento, distância ou privação de pessoas, épocas, lugares ou coisas a que se esteve afetiva e ditosamente ligado e que se desejaria voltar a ter presentes 

2. [também no plural] lembrança afetuosa de algo ou alguém ausente 

3. plural cumprimentos a uma pessoa ausente; lembranças 

4. BOTÂNICA plural designação comum, extensiva a diferentes plantas, de diferentes famílias (sobretudo da família das Dipsacáceas e da família das Compostas), e às suas respetivas flores 

Carlos Moura

Next Post

88 novos médicos internos iniciam formação no CHTS

Seg Jan 4 , 2021
Share on Facebook Tweet it Pin […]
Instagram did not return a 200.

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.