Rede Social do Marco vai recolher dados sobre população com deficiência, imigrantes, minorias e idosos

O Plano de Ação (PA) 2021 da Rede Social do Marco de Canaveses incluiu ações de caracterização da população com deficiência, dos imigrantes, minorias e idosos do concelho. O plano foi apresentado na última reunião do Conselho Local de Ação Social.  

As ações vão ser levadas a cabo pelos parceiros da Rede Social e têm como objetivo recolher informação quanto ao número de indivíduos de cada uma destas comunidades e quais as respetivas necessidades, de forma a adequar as respostas sociais disponíveis. 

As ações de caracterização da população fazem parte do Plano de Ação da Rede Social, documento que sistematiza as propostas de ação consideradas determinantes na concertação, cooperação e planeamento local, com o objetivo de promover sinergias entre os diferentes parceiros locais. 

“Para podermos responder mais eficazmente às necessidades da nossa população, e em particular às camadas mais desprotegidas, é fundamental termos um diagnóstico completo e atual. A informação recolhida através destas ações será complementar àquela que será aferida pelos Censos 2021 na criação do Diagnóstico Social 2022 do Marco de Canaveses, documento estratégico para a nossa Rede Social”,

Cristina Vieira, presidente da Câmara do Marco de Canaveses

Outra das ações deste plano, é a elaboração de um Calendário de Atividades Partilhado pela Rede Social.  Este plano define com maior precisão as ações a desenvolver no âmbito das celebrações de datas com especial significado para cada uma das áreas de atuação (dia mundial do idoso, p.ex.), qual a entidade local responsável pela concretização de cada uma, as parcerias a envolver e o respetivo cronograma dessas ações. 

PLATAFORMA DE GESTÃO DE RESPOSTAS SOCIAIS 

O retrato completo das respostas sociais disponíveis no concelho, ficará plasmado na Plataforma de Gestão de Respostas Sociais que será implementado pelo Município marcuense.

A nova plataforma disponibiliza serviços como: 

– Sistema de lembretes, de forma a avisar as Instituições para atualização das suas informações, mantendo os dados da Carta Social permanentemente atualizada; 

– Geo-referenciação das respostas e equipamentos sociais geridos pelas instituições parceiras; 

– Gestão de utentes em Lista de Espera para as respostas sociais; 

– Disponibilização de notícias e informações úteis; 

– Disponibilização de documentos públicos; 

– Integração de conteúdos com capacidade de interagirem entre si, permitindo uma comunicação transversal e envolver para além das IPSS, os cidadãos que querem conhecer mais sobre as mesmas; 

António Orlando

Next Post

Reeditado concurso de apoio ao comércio local com 7 mil euros em prémios

Seg Fev 15 , 2021
Share on Facebook Tweet it Pin […]
Instagram did not return a 200.

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.