Batia nos pais por causa do fim de relacionamento com companheira

Crime. Um homem de 40 anos, de Amarante, suspeito de violência doméstica sobre os pais, vai aguardar julgamento com pulseira eletrónica

O arguido foi detido no dia 2 de março pelo Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) da GNR de Penafiel.

O suspeito, após o fim do relacionamento com a sua ex-companheira, segundo os militares da Guarda, passou a residir com os seus pais, de 60 e 65 anos, há cerca de um ano, responsabilizando os mesmos pelo fim do seu relacionamento. Pelo facto de ter ficado sem trabalho e devido ao consumo excessivo de álcool, o suspeito começou a adotar comportamentos agressivos para com as vítimas, seus pais, exigindo-lhes dinheiro para colmatar os seus vícios. O agressor chegou a ameaçá-los de morte quando estes recusavam a entrega do dinheiro, causando-lhes medo e receio. Não obstante as ameaças de morte, o agressor causava danos patrimoniais, partindo diversos objetos, chegando a arremessar copos contra a sua mãe, tendo-lhe causado uma fratura no pé direito. Em duas ocasiões, atingiu a cabeça do seu pai com pedaços de madeira, causando-lhe ferimentos, tendo ambos recebido tratamentos numa unidade hospitalar.

O suspeito presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Penafiel, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contactar fisicamente as vítimas, obrigatoriedade de frequentar um tratamento para as adições de que padece e proibição de permanecer ou frequentar a habitação das vítimas, estabelecendo-se a área de exclusão num raio de 500 metros, controlado por pulseira eletrónica.

António Orlando

Next Post

Feira de Fumeiro de Baião na Internet

Sex Mar 5 , 2021
Share on Facebook Tweet it Pin […]
Instagram did not return a 200.

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.