Cercimarante dinamiza projeto “Eco´Nsigo!” para angariar fundos

SOLIDARIEDADE. Cercimarante dinamiza projeto de recolha de resíduos. A ideia é angariar fundos para a construção de um edifício que irá albergar um Lar Residencial, para 30 pessoas com deficiência ou incapacidade, e uma Unidade Sócio Ocupacional, destinada a 30 pessoas com doenças do foro mental ou psiquiátrico

O projeto, denominado “ECO’nsigo”!”, foi criado pelo Grupo de Angariação de Fundos (GAF) da Cercimarante, e tem sido desenvolvido em duas vertentes. A primeira, que consiste na colocação de sacos em empresas para que, lá, sejam depositados o papel e o cartão para reciclar e que, depois, serão recolhidos por uma equipa do Centro de Atividades e Capacitação para a Inclusão (CACI), da Cercimarante.
Para já, são 18 as empresas onde já se encontra a funcionar esta recolha de papel e cartão. Contudo, o GAF pretende alargar, ainda mais, este número.

A segunda vertente diz respeito à participação da Comunidade, uma vez que todos podem contribuir para este projeto, trazendo resíduos para reciclar. Neste caso, os resíduos, de que são exemplo o papel, cartão, embalagens plásticas, ou mesmo vidro, devem ser deixados na Loja Social da Cercimarante, localizada no Mercado Municipal de Amarante.
De salientar que, no caso das embalagens que incluem tampa, a Comunidade deverá trazer sempre as embalagens com a respetivas tampas.

Com este projeto a funcionar há um mês, a Cercimarante já conseguiu recolher um total de 13,18 toneladas de resíduos, das quais 7 240 dizem respeito ao cartão; 3 620 à mistura de papel, e 2 320 correspondem a embalagens plásticas. Números que, de uma forma positiva, já superaram as expetativas iniciais.

António Orlando

Next Post

“Mundo sem Abelhas”, exposição em Amarante

Qua Jun 9 , 2021
Share on Facebook Tweet it Pin […]

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.