Morreu José Eduardo Pinto da Costa, o médico das longas barbas, irmão do presidente portista

ÓBITO. Referência da Medicina Legal, tocou violino, adorava teatro e era dono de um sentido de humor refinado. O médico Pinto da Costa foi afastado da Direção do Instituto de Medicina Legal, no meio da tragédia da queda da Ponte de Entre-Os-Rios, quando declarou à imprensa que as famílias enlutadas tinham de estar preparadas para  que muitos dos corpos nunca mais aparecessem. O tempo, como bom conselheiro que é, deu-lhe razão

José Eduardo Lima Pinto da Costa

O médico-legista José Eduardo Lima Pinto da Costa morreu esta quarta-feira aos 87 anos. Encontrava-se muito doente. Era o irmão mais velho do presidente do F. C. Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, que já tinha perdido a irmã Maria Alice, no início de novembro.

Primeiro de seis filhos, José Eduardo Lima Pinto da Costa nasceu no Porto, na freguesia de Cedofeita, a 3 de abril de 1934. Conhecido em Portugal e no estrangeiro por uma vida inteira dedicada à Medicina Legal, era muito mais do que um especialista na matéria: era também um especialista em viver bem e de forma positiva, um homem com um sentido de humor extremamente refinado e com um gosto especial pelo teatro.

Foi afastado da Direção do Instituto de Medicina Legal, no meio da tragédia da queda da Ponte de Entre-Os-Rios, quando declarou à imprensa que as famílias enlutadas tinham de estar preparadas para  que muitos dos corpos nunca mais aparecessem. O governo não gostou e demitiu-o. O certo é que a maioria dos 59 corpos nunca foi recuperada.

Ao longo da sua vida fez cerca de 30 mil autópsias. Mas recusou fazê-lo a  uma antiga aluna, que tinha morrido num acidente. “Nem a vi, sequer. Quis ficar com a imagem dela consoante a tinha em vida. Nunca a vi morta”, contou em entrevista ao Porto Canal.

“Sem humor e sem fantasia não é possível viver”, disse à plateia que o ouvia numa conferência realizada, em fevereiro de 2020, no Hospital Padre Américo, em Penafiel. O tema era “A arte de não envelhecer” e lá deixou o segredo da sua longevidade: “Está provado que as pessoas que têm um sentido positivo da vida vivem, em média, mais sete anos e meio do que os outros”. Isso e fazer uma alimentação equilibrada, pois, àqueles que lhe diziam que queriam chegar à sua idade com o mesmo estado físico e psicológico, respondia que “não é a comer hamburgers nem a beber Coca-Cola”

António Orlando

Next Post

Câmara de Baião promove diversas atividades nesta quadra natalícia

Qui Dez 9 , 2021
Share on Facebook Tweet it Pin […]

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.