Roubado Canhão do século XVIII da Fortaleza de Valença

CRIME. Câmara de Valença “participou o roubo do canhão à GNR sendo que foi acionada a Polícia Judiciária (PJ) que já esteve no local a recolher provas”.

roubo do canhão participado às autoridades policiais
Canhão roubado

Um canhão do reinado de D. João V, do século XVIII, pertencente ao Arsenal Real do Exército, foi roubado na madrugada de hoje do baluarte do Socorro, junto à pousada de S. Teotónio, no interior da fortaleza de Valença.

Ao que tudo indica, a peça de artilharia foi arremessada muralha abaixo, para um patamar intermédio, e novamente atirado para o fosso da fortaleza, onde terá sido recolhido e transportado.

O presidente da Câmara Municipal de Valença, José Manuel Carpinteira manifestou-se “profundamente revoltado e indignado com mais um situação de roubo e vandalismo na cidade, sendo que desta vez se trata de um elemento de incalculável valor histórico e patrimonial. Este é um roubo que abrange o património móvel nacional existente na fortaleza de Valença”.

Os “restantes canhões, existentes na fortaleza foram retirados e guardados, para prevenir uma nova tentativa de furto”, acrescentou o autarca.

António Orlando

Next Post

Gastronomia de caça, do arroz de aba e dos produtos da quinta no Mosteiro de Ancede

Ter Jun 7 , 2022
Share on Facebook Tweet it Pin […]

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.