Reorganização do parque escolar “obriga” câmara do Marco a abrir os cordões à bolsa

TRANPORTE ESCOLAR. Marco atribui 150 mil euros a freguesias para transporte escolar

A Câmara Municipal, na pessoa da Presidente Cristina Vieira, assinou contratos para atribuição de um total de 150 mil euros a dez juntas de freguesia para o transporte escolar nos anos letivos 2022/2023, 2023/2024 e 2024/2025.

A verba é distribuída de igual forma pelas dez freguesias (5 mil euros/ano) e corresponde a um apoio de 500 euros mensais, durante os dez meses do ano letivo, para ajudar nas despesas de transporte de cerca de 150 crianças decorrentes da reorganização da rede escolar.

“𝗘𝘀𝘁𝗲𝘀 𝗰𝗼𝗻𝘁𝗿𝗮𝘁𝗼𝘀” no dizer da autarca, “𝗰𝗼𝗺𝗽𝗿𝗼𝘃𝗮𝗺 𝗮 𝗯𝗼𝗮 𝗮𝗿𝘁𝗶𝗰𝘂𝗹𝗮𝗰̧𝗮̃𝗼 𝗲𝗻𝘁𝗿𝗲 𝗼 𝗠𝘂𝗻𝗶𝗰𝗶́𝗽𝗶𝗼 𝗲 𝗮𝘀 𝗷𝘂𝗻𝘁𝗮𝘀 𝗱𝗲 𝗳𝗿𝗲𝗴𝘂𝗲𝘀𝗶𝗮 𝗻𝗼 𝘀𝗲𝗻𝘁𝗶𝗱𝗼 𝗱𝗲 𝗮𝗰𝗮𝘂𝘁𝗲𝗹𝗮𝗿 𝘂𝗺 𝘀𝗲𝗿𝘃𝗶𝗰̧𝗼 𝗳𝘂𝗻𝗱𝗮𝗺𝗲𝗻𝘁𝗮𝗹 𝗽𝗮𝗿𝗮 𝗮𝘀 𝗳𝗮𝗺𝗶́𝗹𝗶𝗮𝘀: “A 𝗱𝗲𝘀𝗹𝗼𝗰𝗮𝗰̧𝗮̃𝗼 𝘀𝗲𝗴𝘂𝗿𝗮 𝗲 𝗰𝗼́𝗺𝗼𝗱𝗮 𝗱𝗮𝘀 𝗰𝗿𝗶𝗮𝗻𝗰̧𝗮𝘀, 𝗾𝘂𝗲 𝗳𝗿𝘂𝘁𝗼 𝗱𝗮 𝗿𝗲𝗼𝗿𝗴𝗮𝗻𝗶𝘇𝗮𝗰̧𝗮̃𝗼 𝗱𝗮 𝗿𝗲𝗱𝗲 𝗱𝗲 𝗲𝘀𝗰𝗼𝗹𝗮𝗿 𝘁𝗲̂𝗺 𝗱𝗲 𝗳𝗮𝘇𝗲𝗿 𝘂𝗺𝗮 𝗱𝗶𝘀𝘁𝗮̂𝗻𝗰𝗶𝗮 𝗺𝗮𝗶𝗼𝗿 𝗮𝘁𝗲́ 𝗮̀ 𝗲𝘀𝗰𝗼𝗹𝗮”.

R𝗲𝗮𝗹𝗰̧𝗼 𝗼 𝗽𝗮𝗽𝗲𝗹 𝗱𝗼𝘀 𝘀𝗲𝗻𝗵𝗼𝗿𝗲𝘀 𝗽𝗿𝗲𝘀𝗶𝗱𝗲𝗻𝘁𝗲𝘀 𝗱𝗲 𝗷𝘂𝗻𝘁𝗮, 𝗾𝘂𝗲 𝗿𝗲𝘃𝗲𝗹𝗮𝗺 𝘀𝗲𝗺𝗽𝗿𝗲 𝗲𝘀𝗽𝗲𝗰𝗶𝗮𝗹 𝗽𝗿𝗲𝗼𝗰𝘂𝗽𝗮𝗰̧𝗮̃𝗼 𝗻𝗮 𝗿𝗲𝘀𝗼𝗹𝘂𝗰̧𝗮̃𝗼 𝗱𝗼𝘀 𝗮𝘀𝘀𝘂𝗻𝘁𝗼𝘀 𝗿𝗲𝗹𝗮𝘁𝗶𝘃𝗼𝘀 𝗮̀𝘀 𝗰𝗿𝗶𝗮𝗻𝗰̧𝗮𝘀 𝗲𝗺 𝗶𝗱𝗮𝗱𝗲 𝗲𝘀𝗰𝗼𝗹𝗮𝗿, 𝘂𝗺𝗮 𝗽𝗿𝗲𝗼𝗰𝘂𝗽𝗮𝗰̧𝗮̃𝗼 𝗾𝘂𝗲 𝗼 𝗠𝘂𝗻𝗶𝗰𝗶́𝗽𝗶𝗼 𝗽𝗮𝗿𝘁𝗶𝗹𝗵𝗮”, sublinha Cristina Vieira.

As freguesias que recebem os apoios são: Avessadas e Rosém, Banho e Carvalhosa, Bem Viver, Constance, Paredes de Viadores e Manhuncelos, Penha Longa e Paços de Gaiolo, Sande e São Lourenço do Douro, Várzea Aliviada Folhada, Vila Boa do Bispo e Vila Boa de Quires e Maureles.

De fora deste apoio ficaram as freguesias de Tabuado, Sobretâmega, Alpendorada, Várzea e Torrão, Soalhães, Santo Isidoro e Livração, Marco, que serão aquelas onde nos próximos três anos letivos não estará previsto nova reorganização escolar.

António Orlando

Next Post

Obras em curso para a reabilitação da Ponte de Arame sobre o Tâmega

Ter Out 25 , 2022
Share on Facebook Tweet it Pin […]

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.