Bombeiros estão a receber equipamentos elétricos fora de uso até ao final do mês

AMBIENTE. Até ao final da campanha, que arrancou em janeiro e que tem como parceira a Liga dos Bombeiros Portugueses, a população pode deixar todo o tipo de lâmpadas, pilhas e equipamentos elétricos fora de uso nos quartéis aderentes.

Bombeiros do Marco ganharam em 2021 um veículo de combate a incêndios no valor de 54 mil euros por ter recolhido o maior volume de equipamentos a nível nacional

As associações humanitárias de bombeiros voluntários que aderiram à sétima edição da campanha “Quartel Electrão” estão a receber equipamentos elétricos usados até ao dia 30 de novembro. 

No total, de Norte a Sul, estão a participar 191 associações humanitárias.

O envolvimento de bombeiros voluntários de todo o país, incluindo ilhas, já permitiu reunir, entre janeiro e agosto [últimos dados conhecidos], um total de 1.414 toneladas de equipamentos elétricos usados, 15,1 toneladas de lâmpadas e 4,3 toneladas de pilhas.

No final, a associação que mais equipamentos usados recolher, a nível nacional, ganha um veículo ligeiro de combate a incêndios no valor de 58 mil euros.

Já o segundo prémio corresponde a cinco mil euros, convertíveis em equipamento de proteção florestal.

Cada associação vai receber ainda 75 euros por cada tonelada de resíduos que reunir, informa a Electrão, em comunicado.

Em paralelo, a associação que mais se destacar na recolha de pilhas e de lâmpadas será recompensada com um prémio de 1500 euros convertíveis em equipamento de proteção florestal.

Na região do Tâmega fazem parte as seguintes associações humanitárias de bombeiros voluntários (AHBV):

  • AHBV – Amarante
  • AHBV Celoricenses
  • AHBV – Marco de Canaveses
  • AHBV – Penafiel
  • AHBV – Lousada
  • AHBV – Paço de Sousa (Penafiel)
  • AHBV – Freamunde (Paços de Ferreira)

Globalmente, desde 2021, esta iniciativa já permitiu a recolha de mais de dez mil toneladas de pilhas, lâmpadas e equipamentos elétricos usados.

Marco de Canaveses ganhou em 2021 veículo de combate a incêndios

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Marco de Canaveses recolheu o maior volume de equipamentos a nível nacional e ganhou, por isso, o primeiro prémio da sexta edição do “Quartel Electrão”: um veículo ligeiro de combate a incêndios no valor de 54 mil euros. A associação recolheu, ao longo de 2021, mais de 161 toneladas de lâmpadas, pilhas e equipamentos eléctricos usados. Como contrapartida por esse esforço recebeu ainda 12.088 euros em prémios, face às quantidades recolhidas, e canalizou a esse valor para a compra de equipamentos de protecção individual para vários operacionais da associação.
O segundo prémio foi atribuído à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Lousada que reuniu mais de 100 toneladas de equipamentos eléctricos usados. Recebeu cinco mil euros convertíveis em equipamentos de protecção individual, além dos 7.962 euros para a compra de equipamentos, que acumulou face às quantidades recolhidas.

António Orlando

Next Post

Agustina Bessa-Luís, Amadeo de Souza-Cardoso, Acácio Lino e Ranchos Folclóricos perpetuados em Vila Meã

Qui Nov 24 , 2022
Share on Facebook Tweet it Pin […]

Sobre Nós

Tamega.TV

O Tâmega.tv é uma publicação online diária de informação geral que pretende dar, através dos meios de difusão multimédia, uma ampla cobertura dos mais relevantes e significativos acontecimentos da região do Baixo Tâmega, em todos os domínios de interesse, sem descurar o panorama regional e nacional, assegurando a todos o direito à informação.